segunda-feira, 3 de março de 2008

A visao sobre ser au pair do meu ponto de vista.

O que EU penso sobre o programa?

Faz ao menos 1 hora que estou sentada no chao do meu quarto, olhando pra tela do pc e pensando no que dizer, creio eu que futuras au pairs podem levar isso em consideracao, como eu levei a opiniao de muitas outras (como rachel, leah e etc) quando estava no processo de decisao sobre o programa.
Vou escreve um pouco de cada lado e tentarei ser breve, e no final coloco como tem sido a minha vida de au pair:
Antes de qualquer comentario, ser au pair nao eh o sonho que as agencias irao te vender. Eu acredito que ser au pair e ter uma boa familia eh como uma loteria.
Nao vejo muitas au pairs felizes com suas familias e kids, vendo pelo meu orkut aonde tenho umas 60 pessoas adiconadas que sao ou foram au pairs; garanto que boa parte delas nao esta nem perto da margem de 50% satisfeitas. Isso sem contar nas comunidades de au pairs, se voce comecar a frequenta-las, vai ver que esse nao eh o sonho de ninguem, eh apenas uma porta para chegar ao seu sonho.
Nos ultimos tempos, vejo que somente eu e minha amiga Mi que estamos na margem dos 90% felizes se comparar com as nossas amigas daqui da regiao (e no geral).
Se for fazer uma "analise mais profunda" algumas vezes elas nao estao satisfeitas por causa "delas proprias". Alguma meninas vem ser au pair com a ansia de liberdade e de querer fazer tudo o que nao podiam em casa, pensam que podem conciliar a vida noturna de baladas e bares com a de cuidar de crianca na manha seguinte, foi o caso da au pair anterior a mim aqui em casa, ela queria sair pra balada quase que diariamente, nao concordava em ter curfew, ficava trocando mensagem com os amigos do pais dela ate as 4 da manha, ficou infeliz por nao ter a liberdade que ela esperava e saio do programa.
Tem gente que consegue conciliar, eu nao consigo mesmo, cuidando de dois bebes? Nao, isso nao me pertence! Balada, festa, qualquer cois que venha a requerer esforco fisico da minha parte, tem que ser de final de seman no meu tempo off.
Nao estou dizendo que o maior problema sao as au pairs, algumas familias sao culpadas sim, antes dessas meninas virem, eles prometem "um mundo cor de rosa" e quando as mesmas nao encontram esse mundo que lhes foi prometido, sentem-se enganadas e nao se esforcam para fazer seu servico bem feito.
Tem familia que voce por educacao (afinal voce mora na mesma casa e tem semancol) ajuda na limpeza de alguma area da casa, e acaba virando obrigacao!
Acho que falei um pouquinho do que acontece entre os dois lados, cho que foquei mais o lado negativo, entao vou falar o que o programa tem representado pra mim ate o presente momento.


Au pair oficialmente desde 22/10/2007
Primeira semana trabalhando na casa da familia, literalmente foi um choque! A avo das criancas veio ficar comigo por uma semana e mostrar como tudo seria, ela um doce de pessoa que eu tenho uma paixao ate o momento, sempre educada, fina, meiga. Mas meu choque foi mesmo com a minha menina, como toda crianca americana, era muito mimada, gritava quando seus pedidos nao eram atendidos, coisas do tipo.
Eu fiquei em choque ao ver como eles reagiam quando a crianca dava esse tipo de "piti". Jamais que no Brasil uma crianca faz isso com os pais ou quem quer que seja, e jamais que la os pais reagem dessa forma.
Posso dizer que essa menina (que hoje se tornou minha paixao) quase me botou pra correr daqui. No comeco foi dificil mesmo por causa dela, os pais serem foram super atenciosos comigo, sempre me chamavam para sentar a mesa, conversar, sempre ficavam preocupados quando eu saia com alguma menina que tinha conhecido no orkut e nunca visto na minha frente (aqui isso acontece muito, ate a gente achar a nossa turma, por assim dizer).
Teve dias de ligar chorando pra casa, naquele surto psicologico falando que nao iria aguentar, que queria voltar, mas ouvindo meus pais e amigos e um pouco mais calma, resolvi enfrentar o desafio.
Essa danadinha (Emma) me deu trabalho no comeco, ela nao era uma crianca que gostava de dar beijo ou falar eu te amo e isso foi uma das dificuldades que encontrei, estava tao acostumada com o Fabricio me falando te ao todos os dias, me chamando pra brincar, pedir pra mae dele me ligar pra me chamar pra brincar que eu fiquei mal mesmo. Dava trabalho em muita coisas como se trocar, comer, sentar na cadeirinha do carro e etc, mas ela tem melhorado muito, ela eh tao linda e surpreendente!
Dos problemas que eu via nela antes, ja nao vejo nenhum, tem pequenas coisas, mas nada tao absurdo como era antes, pelo menos comigo nao, pq se eu tiver que falar 'nao', eu falarei, se ela gritar e chorar pq quer algo, vai ficar chorando e gritando e eu falando "Vc pode gritar e chorar o quanto voce quiser, mas eu nao vou te dar o que voce quer, nao eh o momento".
Uma das coisas que ajudou nesse entendimento, desenvolvimento ou como voces queiram chamar, foi a comunicacao com os pais dela. Logo no comeco eles me chamaram pra uma conversa, falando o que eu poderia fazer com eles e o que nao poderia e isso foi essencial, pois quase diariamente comentamos o que aconteceu, como minha host mom trabalha um pouco e vem e casa e depois volta ao trabalho, ela sempre esta por dentro de tudo.
Eu nao me arrependo de ter tentado, a Emma eh uma das pessoas mais preciosas que encontrei aqui. Ela me ensina, me faz sorrir todos os dias, me surpreende, esta aprendendo a ser carinhosa.
Tenho o Jonah que vai fazer um ano no proximo ano, ele eh um terremoto, lindo, uma risada gostosa demais, aprendendo a andar, vai dar um trabalho para os pais quando crescer (ama carro, notebook, celular).
Minha host family?
Nao tenho reclamacoes, sou abencoada! Sao engracados, alegres, pontuais com meu pagamento e horarios, sao justos, sao amigos, me alegram quando eu to homesick, conversamos sobre tudo incluindo dates, nao me mataram quando bati o carro dando re (erro estupido, mas aconteceu), me ajudaram a comprar meu notebook e pagar meus tickets de ferias, me incluem nas atividades da familia, ou ao menos tentam neh! rs

Sobre os Amigos
A maior parte deles, conheci atraves de comunidades no orkut, entao se voce quer ser au pair, comece fazerr amigos, quando fechar com a familia, procure no orkut por pessoas que estao na mesma regiao que voce, acredite em mim quando eu disse "Sao essas pessoas que irao te extender a mao pra te ajudar quando voce tiver problemas".
Espero que voces nao tenham problemas e sim um ano maravilhoso.

Fico por aqui, depois passo pra corrigir erros de grafia, e dar um update, cansei!

5 comentários:

  1. to sem tempo de ler tdo isso..mas juro q vou ler.
    mas kero dizer q eu amo deixar seu blog aberto aki e tocando musica haha
    bjsss

    ResponderExcluir
  2. heyyy e o ligar pra rosangela tendo surto psicologico??num conta uhauahauha...tb depois melhorou nunca mais ligou...eh assim a vida :(

    ResponderExcluir
  3. BOm. eu li tudinho e agora vo falar o qeu penso. COncordo com grande parte do q vc fala. Acho q grande parte da culpa do programa nao da certo pra um monte de meninas eh delas mesmas. Muitas nao SERVEM pra ser au pair mas elas insistem em usar o programa como ponte pra "tentar" xegar numa vida q pra mim nao existe. PQ nada na vida vem facil ou de mao beijada e vida boa 24 horas so no filme mesmo. Mas apesar disso aqui parecer cenario de filme nao eh. Temos q da duro e tdo q recebemos nao eh mera sorte, eh merecimento. Axo q uma menina q ker ir pra balada tdo dia, ou q nao ama suas kids com todos os defeitos, nao tem menor vocacao pra au pair. EU toaqui a mto pouco tempo, mas nao tive um segundo de homesick, cada obrigado ou elegio q eu ouco eu fico feliz demais. A amiga da minha host veio me dizer q me adora e ta feliz pq eu ta aki com ela, a sogra da minha host me deu presente e disse q me adora pq os netos dela me adoram e se sentem avontade e comigo e por ai vai. Minha host me leva na balada, paga tdo pra mim, cozinha pra mim, faz chocolate quente pra mim, ajuda minhas amigas e ainda me deu a globo de presente pq disse q era uma forma de gratidao por tdo q eu faco. Meu kid hj disse: I LOVE YOU NATHy. e nos primeiros dias ele nao keria nem q eu olhasse pra ele. ENtao penso q grande parte depende do nosso esforco e apesar de eu concordar q eu sou sortuda... eu sei q eu tbm mereco tdo isso.PRa mim, qdo fazemos algo com amor, no final da tdo certo. Mas tdo q eh bom custa um preco e nao vem facil. EH isso q penso.
    TDO q vc tem, essa otima familia q vc tem eh pq vc perece. Claro q tem familia FDP sim, e acontece coisas q independe de nos. Mas se soubermos contornar ( como vc soube com a Emma) a gente se acostuma e tira de letra. CAda um tem seu problema, nada eh perfeito, mas temos q ceder de um lado pra q vejamos a reciproca.

    eh isso.bjssssssssss

    ResponderExcluir
  4. aH eskeci de dizer mais coisas haha..
    meu host levou eu thais e djane pra fazer compra e deixou a gente la depois pegou, compramos as cameras digitais...minha host dirigiu thais ate a casa dela e disse q vai buscar ela depois outro dia, ela eh mto prestativa e ker sempre me agradar.
    meus kids nao sao mimamos, se eles se quer gritam aki eles levam um berro ou vao pro castigo,entao eles sao doce a maior parte do tempo, qdo inventam de da piti a mae deles da um jeito neles. Qdo um morde o outro leva peteleco na lingua, qdo bate leva tapa na mao e assim por diante. Eles sao bonzinhos, nao dao trabalho, xoram as vezes por manha mas poucos segundos depois param e os pais ja disseram pra nao da minima, a nao ser q eles tenham se machucado. Minha host nao tem frescura nem eh metodica nem tem complexo de arrumacao ela eh como eu, arruma mas sem frecura arrumacao. OS meninos nao tem roupa marcadas (o gemeos) tanto faz a roupa q vc vista. O maior faz praticamente tdo so ( 3 anos) qdo precisa de ajuda me pede. Aqui todo mundo acorda de 9 entao eu nao preciso acordar com as galinhas ( oops aki nao tem galinha). entao.. eu to de boa aki. Tdo otimo..do jeito q eu pedi a DEUS. Minha host as vezes deixa os meninos coma amiga dela e me leva nas lojas, essa semana elam e levou pra comprar o lap top mas nao tinha ,, ela ja ligou pra 3 pessoas q entendem pra pedir opiniao e decidimos q vamos comprar um da sony da bestbuy. ENfim..ela eh como uma amiga pra mim. PArece q conheco ela a decadas.

    ResponderExcluir
  5. ótimo post. li todinho, rs. ainda não tô aí, mas tô bem glad que a minha agência não vende o programa como um "conto de fadas". minha orientadora é dez nesse quesito. a real é que a gente tá indo p ralar mesmo, mas que vai ser uma ótima experiência de vida se vc sabe o que vc vai encarar e se vc gosta de lidar com criança, já que vai ser isso basicamente 24hs. enfim, adorei o post.

    boa semana p vc ;*

    ResponderExcluir

Deixe sua mensagem após o sinal... PIIIIIIIIIIIII

¯`» Aonde voce esta? 2009 «´¯